2024
fev
22
Institucional

Parceria do UniCatólica traz inovação para pecuária do Tocantins

No último sábado, 17, o Centro Universitário Católica do Tocantins (UniCatólica) em parceria com a AR Inovações e BrDot lançou o projeto de pesquisa SafeCows, que consiste em biocápsulas para estudo de parâmetros fisiológicos em vacas leiteiras. O projeto tem como objetivo transformar o panorama da pecuária ao monitorar vacas leiteiras.

Para Rodrigo Junco, cofundador da BrDot, startup que oferece a tecnologia das biocápsulas, o projeto traz inovação para o estado do Tocantins. “É super bacana termos iniciado esse projeto testando a tecnologia das biocápsulas bovinas e trazendo inovação para a região juntamente com o UniCatólica e AR inovações. Estamos muito felizes, já olhando os próximos passos extraindo o máximo de conhecimento para todos nós”, declara.

A biocápsula é inserida por meio de um aplicador que a leva até o início do esôfago e por ser lisa e ter certo peso é deglutida de forma natural. “É um procedimento simples, não invasivo e totalmente seguro, o animal pode ficar mais agitado pela contenção, mas dura menos de cinco minutos, logo em seguida ele já segue sua rotina normalmente”, explica o professor do curso de medicina veterinária da instituição, Me. Eudes Vieira Castro.

Após inserção das biocápsulas, vacas seguem rotina normalmente

Alojada no rúmen, a biocápsula gera informações relacionas à temperatura ruminal, aos movimentos peristálticos do rúmen e à movimentação desse animal a cada 15 minutos. Essas informações são muito importantes porque a temperatura ruminal fornece um indicativo da saúde, do ciclo estral e da questão de produção das vacas. “Se o animal está com estresse térmico, por exemplo, a produtividade vai cair, o diagnóstico precoce favorece o bem-estar, a saúde e consequentemente a produtividade do rebanho. Como é uma tecnologia nova, precisamos saber se ela traz dados mais avançados do que as tecnologias já existentes como por exemplo o colar, acreditamos que sim, por ser interna”, esclarece a docente e zootecnista, Dra. Angélica Pedrico.

Neste estudo inédito serão comparados vinte e dois animais: onze deles usando apenas o colar e os outros onze por meio de biocápsulas. A produtora da fazenda Bom Gado, localizada no distrito de Luzimangues, Layla Vilela, é egressa do curso de Zootecnia do UniCatólica e demonstra orgulho por poder fazer parte do processo. Layla está confiante no uso das biocápsulas para facilitar suas tomadas de decisão. “Um grande desafio na minha atividade enquanto criadora de vacas leiteiras é identificar o cio, por exemplo. O baixo rendimento da produção está associado a fatores aos quais eu não tinha acesso, agora consigo deixar meus animais mais confortáveis, entendendo a vaca de forma completa. Estou confiante de que além de ajudar nas tomadas de decisão, o experimento ainda irá melhorar meu lucro e produtividade”, finaliza.

Docentes e zootecnistas explicam todo o processo de monitoramento das vacas por meio das biocápsulas

Presente no lançamento, a reitora do UniCatólica, Dra. Andrea Borim, destacou a importância de projetos como esse durante a jornada acadêmica. Os estudantes terão acesso aos resultados e ajudarão interpretar os dados. “Quando nós trazemos um estudante para cá, ele não vai apenas ver a produção, ele vai conversar com a dona da propriedade e a partir disso, desenvolver outras habilidades. Com essa experiência, ele passa a ter uma preocupação do negócio de forma mais ampla, pois vai começar a se inteirar mais do mercado, além de estar em contato com as práticas inovadoras oferecidas hoje em dia. Isso é fundamental, é algo que eu vejo muito presente em tudo que os nossos coordenadores de curso têm feito nos estudos e nós queremos intensificar essas atitudes” conclui.

O estudo sobre a utilização das biocápsulas foi  devidamente aprovado pela Comissão de Ética de Uso de Animais (CEUA), que é formada por pesquisadores, biólogos, veterinários, zootecnistas e membros da Sociedade Protetora dos Animais e segue todas as exigências preconizadas pelo Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (CONCEA).

 

Publicado por Luma Marinho

Notícias Recentes

19 abril 2024
Egressa de zootecnia trabalha em pesquisa nos EUA
18 abril 2024
Inscrições abertas para o Grupo de Intervenções Artísticas
12 abril 2024
Inscrições para o Programa de Aprimoramento encerram em 23/04.