Pesquisa

Pesquisa e Iniciação científica

O Centro Universitário Católica do Tocantins – UniCatólica, pretende que a iniciação científica, por meio da geração de conhecimento, dê credibilidadeao saber acumulado, sistematizado e colocado à disposição na graduação, aotempo que induz os caminhos de relevância e significância social por meio da produção do conhecimento, o que possibilita a inovação.

O UniCatólica mantém um Programa de Bolsas que visa incentivar, estimular e apoiar institucionalmente, por recursos próprios ou captados em Agências de Fomento, projetos de pesquisa, de iniciação científica e de extensão. Na esteira da Iniciação Científica, o UniCatólica procura, seguindo a regulação do PIBIC e PIBITI, sistematizar a Iniciação Científica, buscando recursos no CNPq e CAPES. Além destes, a Instituição incentiva a pesquisa voluntária.

No âmbito da Iniciação Científica, ainda promove a Investigação Temática, para a qual organiza, anualmente, a Jornada de Iniciação Científica e Extensão, ocasião em que oferece ao acadêmico a oportunidade de expor os resultados de suas investigações. Entende também que a elaboração do TCC, embora ao nível de graduação, seja exercício pleno da atividade de pesquisa, por isso exige-se rigor metodológico e científico.

O UniCatólica faz opção pela Iniciação Científica Aplicada e espera que esta gere ações culturais, sociais e de transferência de conhecimentos e tecnologias, na perspectiva da sustentabilidade e oportunidade de aprendizagem.

Inovações e Tecnologias

Inovação tecnológica é definida pelo UniCatólica como “processo de invenção, adaptação, mudança ou evolução da atual tecnologia, melhorando e facilitando a vida ou o trabalho das pessoas”. Pode-se depreender deste conceito que a inovação contribui para melhorar e facilitar a vida e o trabalho na sociedade. Ademais, o crescimento econômico de um país está atrelado a sua capacidade de inovação.

No âmbito educacional este conceito pode ser traduzido em diversas formas. Contudo, pode-se elencar duas formas como sendo primordiais: a primeira, relacionada à necessidade de as instituições de ensino buscarem um ensino congruente às inovações tecnológicas, para promover um processo de ensino-aprendizagem mais atrativo e significativo, tanto no sentido de manter coerência com o perfil dos seus estudantes, quanto no sentido de promover o alinhamento com as necessidades do atual e futuro mercado de trabalho, inserindo profissionais capacitados para atender aos anseios do mundo globalizado. A segunda, pela necessidade de as instituições promoverem a inovação tecnológica, por meio de uma política de iniciação científica sistematizada, capaz de fomentar o desenvolvimento econômico e social no mundo contemporâneo.

Linhas de Pesquisa, Inovação e de Extensão

De acordo com o Plano de Desenvolvimento Institucional, o UniCatólica, direciona suas atividades de pesquisa, de iniciação científica, de inovação tecnológica e de extensão, para as seguintes linhas macros:

  1. Desenvolvimento Sustentável: Refere-se aos projetos de pesquisa/iniciação científica e extensão que abordem os princípios da sustentabilidade com ênfase nos quatro elementos do Desenvolvimento Sustentável: sociedade, ambiente, economia e cultura.
  2. Direitos Humanos: Compreende ações e estudos voltados para a promoção de uma cultura de defesa e respeito aos direitos humanos estimulando a formação de cidadãos profissionais preparados e conscientes para a promoção de mudanças com visão crítica do processo de transformação socioeconômico-político, capaz de proceder à defesa da justiça e dos direitos humanos.