2019
nov
01
Geral

UniCatólica apresenta projeto sustentável para parlamentar

O Centro Universitário Católica do Tocantins recebeu na tarde do dia 30 de outubro a deputada estadual Cláudia Lelis, para apresentar o projeto de reutilização de vidro descartado na construção civil, desenvolvido pelos acadêmicos e professores de Engenharia Civil da instituição. Na ocasião, a deputada foi recebida pelo reitor do UniCatólica, Helenes de Oliveira, pelo pró-reitor de administração, Rilu Dani, e pelos professores, doutor Antônio Rafael Bôsso, mestre Leonardo Furtado e mestra Roberta Medeiros.

Cláudia Lelis ficou encantada, e disse que apoia o projeto por ele ser sustentável. “As coisas só funcionam se forem sustentáveis. Quero agradecer a todos por me darem essa oportunidade de conhecer hoje esse projeto que transforma vidro em material base para a construção civil. Eu acredito na sustentabilidade e no poder transformador da educação”, declara.

Para o reitor a parceria entre a instituição e o poder público é de extrema importância, pois o UniCatólica tem a missão de levar o conhecimento para fora da universidade e ajudar o desenvolvimento do Estado.

Antônio Bôsso acredita que cuidar do meio ambiente é obrigação e dever de todos. “Ao trabalhar com o vidro no concreto, estamos colocando em prática parte desse cuidado, pois a cadeia de reutilização do vidro precisa ser melhor divulgada e trabalhada na cidade de Palmas, pois muito vidro ainda vai para o lixo”.

Para Miquéias Lasales, do 10º período de Engenharia Civil, um dos estudantes que desenvolveu o projeto “ao buscar por matéria-prima sem valor agregado no concreto e que tenha características semelhantes daquelas obtidas usando material convencional poderá ter um maior espaço na construção civil pela redução dos resíduos e consequentemente tornando-se uma ciência mais sustentável. Além de ser uma forma sustentável de designar o material sem valor agregado no caso do vidro ao concreto, também ajuda na não proliferação de vetores como o Aedes Aegypti”, finaliza.

De acordo com os estudos realizados nos laboratórios da instituição e apresentados no 61º Congresso Brasileiro de Concreto – IBRACON, em Fortaleza, no período de 15 a 18 de outubro de 2019, o vidro foi usado em várias proporções substituindo a areia de rio pelo resíduo de vidro para produção de peças de pisos intertravados, obtendo ótimos resultados, mostrando muito eficiente em relação ao desempenho físico e mecânico.

Publicado por Jordania Negreiros Mota

Notícias Recentes

17 fevereiro 2020
Divulgado quantitativo de vagas para o FIES
14 fevereiro 2020
Vaga de estágio para estudantes de Engenharia Civil e Produção